Indústria 4.0

Detecção de vazamentos ágil e inteligente  com o Fluke ii900

Detecção de vazamentos ágil e inteligente com o Fluke ii900

2 minutos Sistemas de ar comprimido, gás e vácuo são grandes aliados da indústria. Versáteis e precisos, a aplicabilidade vai desde produções metalúrgicas até sistemas de refrigeração, utilizando um potencial energético mais vantajoso que o elétrico, movendo motores e ferramentas, por exemplo. Porém, com o tempo, o desgaste das máquinas faz com que os vazamentos se tornem problemas frequentes – e lá se vai a eficiência energética esperada. O grande problema dos vazamentos é que eles podem estar em qualquer ponto do maquinário – em Continue lendo

Inspeções precisas com o Boroscópio Fluke

Inspeções precisas com o Boroscópio Fluke

2 minutos A manutenção é uma parte crítica de qualquer processo industrial. Seja uma revisão de rotina, pra prever possíveis problemas, ou corretiva, que interfere na máquina defeituosa, sua prática está ligada a um custo considerável. Segundo a Associação Brasileira de Manutenção e Gestão de Ativos, uma indústria gasta por volta de 5% de seu faturamento em manutenção. E por isso ela deve ser assertiva e eficiente. Entenda como o boroscópio Fluke pode te ajudar neste processo! Nos últimos anos, as indústrias brasileiras têm Continue lendo

A aplicação de robôs colaborativos nas diferentes indústrias

A aplicação de robôs colaborativos nas diferentes indústrias

8 minutos Versáteis, os robôs colaborativos da Universal Robots (UR) são capazes de realizar diversos tipos de trabalho em conjunto com os humanos. Sua principal característica é tornar o trabalho mais preciso e dinâmico, deixando as tarefas repetitivas longe dos braços humanos. Além de aumentar a produtividade e, assim, diminuir os custos da empresa, a aplicação de robôs colaborativos protege o trabalhador de lesões causadas por movimentos repetitivos ou de ambientes insalubres. Os cobots, como são comumente chamados, possuem diversas aplicações na indústria, da Continue lendo

Rede Ethernet Industrial e a manufatura inteligente

Rede Ethernet Industrial e a manufatura inteligente

3 minutos Eficiência e agilidade. Estes são os dois maiores gargalos da produção industrial. É difícil unir os dois, mas, quando se consegue, a chance de sucesso é muito maior. É por isso que a manufatura inteligente ganha cada vez mais espaço na indústria – e se ter uma rede Ethernet industrial bem estruturada é essencial para os processos automatizados. Com o conceito de indústria 4.0, a manufatura inteligente se torna cada vez mais forte. São diversas tecnologias que auxiliam neste processo de automação Continue lendo

Produção industrial: o que Brasil precisa para evoluir?

Produção industrial: o que Brasil precisa para evoluir?

1 minuto Um recente estudo feito pela Fecomercio de São Paulo mostra que o brasileiro produz, em média, apenas 25% do que um trabalhador norte-americano. Ou seja, levamos 1 hora para produzir o que eles fazem em 15 minutos. A produção industrial é drasticamente afetada pela baixa escolaridade, burocracia e falta de investimento em tecnologia. E não é por sermos preguiçosos não. O empregado brasileiro trabalha 340 horas a menos que um norueguês, líder do ranking de produtividade. Para se ter uma ideia, o Continue lendo

Indústria 4.0 e suas tecnologias vieram para ficar

Indústria 4.0 e suas tecnologias vieram para ficar

3 minutos A CompTIA, empresa de pesquisas na área digital, divulgou um relatório otimista para o ramo tecnológico: os gastos em tecnologia da informação devem crescer em 3,9% em relação ao ano passado. Entretanto, o incremento não deve trazer maquinários muito diferentes do que já temos hoje, uma vez que ainda não extraímos o potencial total das tecnologias disponíveis. E isto afeta diretamente a indústria 4.0. Isso porque a indústria é um ramo bastante tradicional – e não muito afeito a surfar em tendências Continue lendo

Automação em alta

Automação em alta

2 minutos A Associação Brasileira de Automação-GS1 Brasil, divulgou a pesquisa anual sobre o mercado de automação: o resultado foi uma alta de 8,1% no total de 2017 para 2018. A indústria, com resultados acima do comércio e de serviços, lidera a implementação de soluções autônomas no Brasil, com alta de 8,3%. A região sul é onde a automação mais cresceu em 2018, com incremento de 13% em todos os setores. O principal investimento foi em atendimento e relacionamento com o cliente. O estudo Continue lendo

Legislação e segurança em robôs colaborativos

Legislação e segurança em robôs colaborativos

3 minutos Nos últimos textos, aprendemos sobre as vantagens dos robôs colaborativos e a família de cobots da Universal Robots. A seguir, temos um breve resumo da legislação vigente a respeito de robótica industrial colaborativa, bem como das funções de segurança em robôs colaborativos da Universal Robots. Funções de Segurança Os robôs colaborativos possuem 15 funções de segurança ajustáveis, limitando: Força, velocidade,   potência,   inércia/momento,    posição,   orientação    da   ferramenta (equivalente à Categoria 3); Monitoramento do TCP e entre juntas; Conectores para equipamentos de segurança externos; Continue lendo

Apresentando a família de Robôs Universal Robots

Apresentando a família de Robôs Universal Robots

3 minutos Anteriormente, falamos sobre a indústria conectada e as vantagens dos robôs colaborativos.  Agora que você já sabe da importância dos cobots, apresentamos a família de robôs da Universal Robots (UR), distribuída pela Eletronor. A combinação de flexibilidade, inteligência, persistência e precisão faz parte dos robôs UR. A família de cobots UR possui três membros: UR3, UR5 e UR10. Eles são definidos de acordo com sua capacidade de carga útil, em quilogramas, e raio de operação, em milímetros. UR3 Lançado em 2015, o Continue lendo

Indústria Conectada: Robôs Colaborativos Universal Robots

Indústria Conectada: Robôs Colaborativos Universal Robots

5 minutos Os “Cobots”, como são chamados os robôs colaborativos, são uma nova geração de robôs industriais. Diferentemente dos robôs convencionais, podem trabalhar ao lado dos humanos de forma colaborativa e segura. Portanto, não há necessidade de isolamento e/ou utilização de dispositivos de segurança, tais como botões de emergência, barreiras de luz e scanners de área, por exemplo. Sua instalação nas fábricas se dá de uma forma muito mais simples e rápida em comparação com robôs convencionais. É a solução ideal para pequenos layouts Continue lendo